A Importância da implementação do Sistema da Gestão da Qualidade no Montepio Rainha D. Leonor

As exigências do mercado, não distinguem o Privado de uma Mutualidade, cada vez mais temos que estar em sintonia com as necessidades e expectativas dos nossos associados e clientes.

O MRDL assume que tem que alinhar a sua Missão/ Visão e Valores em consonância com esses critérios, bem como, arranjar estratégias sustentáveis, para conquistar / fidelizar clientes/associados/colaboradores.

Em 2022, o Conselho de Administração estabeleceu, como um dos seus objetivos, implementar internamente um Sistema de Gestão da Qualidade no Universo do Montepio.

Com uma equipa que ultrapassa os 200 colaboradores, mais do que nunca torna-se imperativo, a uniformização de procedimentos dos serviços, valorizar as boas práticas, consolidar o  seu ADN e sucessiva melhoria.

Para cada sector, será necessário um trabalho profundo e a envolvência de todas as partes interessadas.

Compilar todos os procedimentos considerados de valor para a prestação de um bom serviço, criar instruções de trabalho claras e registar o que é importante.

Temos noção que há muito a fazer, mas também sabemos fazer e fazer bem, o nosso capital humano tem valor.

Estamos  a trabalhar para a uniformidade, segurança e sentimento de pertença da equipa, muito importante para a satisfação de todos; utentes, clientes, associados, colaboradores, fornecedores e comunidade.

Durante o ano de 2023/2024 iremos implementar o Sistema de Gestão da Qualidade, através do Projeto Q + em Rede[1] na nossa Valência SAD/ Residências Assistidas, possibilitando a replicação para outros Serviços da Instituição.

“Gostamos de Cuidar” desde 1860

Cristina Serrano

Gestora da Qualidade e Serviços


[1] “A oportunidade de a custos reduzidos uma IPSS ou Misericórdia integrar um Grupo de Instituições com vista a implementar o Sistema de Gestão da Qualidade nas Respostas Sociais mediante a NP EN ISO9001:2015 e/ou Nível B dos Manuais da Segurança Social, através do projeto Q+ em Rede, cumprindo assim todos os requisitos da Segurança Social em potenciais visitas de acompanhamento/fiscalização, bem como, preparação para a certificação da respostas sociais da Instituição” Replicar-Socialform

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Em Destaque

Artigos Relacionados

164º Aniversário

O Montepio Rainha Dona Leonor – Associação Mutualista é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), considerada de Utilidade pública e agraciada pelo Sr. Presidente da República em 1960 com

As atividades socio-ocupacionais

As atividades socio-ocupacionais têm um papel crucial no desenvolvimento cognitivo e social das pessoas mais velhas institucionalizadas, uma vez que promovem a sua autonomia, funcionalidade, bem-estar e qualidade de vida. 

A Reumatologia nas Caldas da Rainha

A história de Caldas da Rainha está intimamente ligada à Reumatologia desde a sua fundação. Em 1484 a rainha D. Leonor ia de viagem entre Óbidos e a Batalha quando

Leguminosas

As Nações Unidas assinalou, no passado dia 10 de Fevereiro, o Dia Mundial das Leguminosas. As leguminosas são grãos/sementes que se dividem em leguminosas frescas como por exemplo, as ervilhas